O que são os vinhos orgânicos?

Por . em 21/09/2020

A procura por produtos naturais e orgânicos vem se tornando cada vez mais popular nos supermercados e lojas de produtos naturais. Isso é o reflexo de uma geração cada vez mais preocupada em conhecer os processos por trás dos alimentos que chegam à mesa.  Mas afinal, o que é um vinho orgânico?

Antes de começarmos a falar sobre os vinhos orgânicos vamos entender quais são as diferenças entre as denominações existentes nesse nosso mundo dos vinhosConvencionais, Naturais, Biodinâmicos e os Orgânicos.

Convencionais
São os vinhos que dominam as prateleiras dos mercados e empórios. Eles são elaborados a partir de uvas que usam métodos convencionais de agricultura e vinificados também na maneira convencional, baseada em técnicas enológicas e insumos.

Naturais
Os vinhos naturais são feitos com uvas de agricultura orgânica ou biodinâmica, que passam por vinificação natural. Não existe certificação ou definição conclusiva, mas a expressão tende a englobar vinhos que evitam aditivos enológicos. Alguns permitem o uso moderado de dióxido de enxofre.

Biodinâmicos
Eles são feitos com uvas provenientes da agricultura biodinâmica e passam por vinificação nos preceitos biodinâmicos que são certificados. Na agricultura biodinâmica, além do cultivo orgânico, existe a busca pela integração e o equilíbrio dos reinos vegetal, animal e mineral nas atividades da propriedade.

Orgânicos
Os famosos vinhos orgânicos são feitos com uvas orgânicas que passam por uma linha de produção considerada natural, sem o uso de aditivos ou adubos químicos, (pesticidas, herbicidas fungicidas artificiais e fertilizantes sintéticos) como também técnicas e procedimentos que são considerados prejudiciais para o meio ambiente. E seu processo de produção é realizado sem qualquer uso de compostos químicos para aumentar qualidade ou rentabilidade dos vinhos.

Atualmente, apenas 4% dos vinhedos do mundo todo são orgânicos. Apesar de parecer ser bem pouco, é quase o dobro do que existia cerca de 10 anos atrás. Os pioneiros nessas técnicas foram os americanos, que desenvolveram seus primeiros vinhedos orgânicos na região da Califórnia.

Temos como exemplo de vinhos feitos com procedimento orgânico, o vinho Masi Tupungato Passo Doble ou Passo Blanco, vinho Animal, vinho Finca Lalande Malbec e vinho 99 Rosas.

É importante destacar que vinhos de agricultura orgânica, biodinâmica ou natural não são necessariamente melhores que os demais, embora a sua produção geralmente seja mais cara. Eles também dependem de características como tipo de solo, clima diferenciado, terroir de qualidade e uma boa safra para se destacarem.

Ficou curioso para experimentar um vinho orgânico? Acesse www.imigrantesbebidas.com.br e compre agora!

Comentários
0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre seu E-mail para receber ofertas exclusivas